Aprovada a “LEI BTS” na Coreia do Sul

Drama Fansubs dezembro 2, 2020

Mudança em lei na Coreia do Sul adia serviço militar obrigatório para artistas de K-Pop

Com a alteração aprovada na terça-feira pelo Parlamento sul-coreano, artistas da cultura pop “que ajudem a melhorar a imagem da Coreia tanto dentro do país quanto ao redor do mundo” poderão entrar no novo critério de alistamento até os 30 anos. Até então, todos os homens fisicamente aptos de 18 a 28 anos precisavam servir nas Forças Armadas por cerca de dois anos. Diversos veículos e fãs passaram a chamar a aprovação de ‘Lei BTS‘ por conta da influência do grupo no projeto.

A emenda na Lei do Serviço Militar foi concebida para proporcionar exceções para mega-astros de K-pop que melhoram o status cultural do país e fortalecem a economia.

Nenhum ídolo de K-pop recebeu isenções, mas o novo projeto de lei fará com que artistas recomendados pelo ministro da Cultura possam adiar o serviço até os 30 anos.

Jin, que tem 27 anos e é o membro mais velho do BTS, está se aproximando do alistamento no momento em que a boy band de sete integrantes reescreve a história do K-pop.

“Artistas pop tendem a conseguir suas maiores conquistas em torno dos 20 anos, mas muitos deles tiveram que buscar uma graduação para adiar o serviço”, disse Jeon Yong-gi, coautor do projeto de lei.